CONTER realiza encontro virtual de fiscais pela primeira vez na história

0
37
Na tarde de hoje (17/06), teve início o XI Encontro dos Fiscais, Presidentes das Coordenações Regionais de Fiscalização (COREFIs) e do Administrativo do Sistema CONTER/CRTRs. Por conta da pandemia do novo coronavírus (COVID-19), a qualificação das equipes de fiscalização tem sido realizada de forma online, com foco em palestras e ações que guiam os trabalhos dos agentes fiscais nesse novo momento.
“O comprometimento da nossa equipe técnica e de informática permite que possamos realizar essa troca de experiências. Este 7º Corpo de Conselheiros do CONTER tem o objetivo de intensificar a fiscalização em todo o país, de modo que ano após ano nós alcançamos mais estabelecimentos e municípios. Agradeço o empenho de todos para a realização desse evento histórico, que proporciona esclarecer dúvidas e trocar experiências”, enfatiza o presidente da Coordenação Nacional de Fiscalização (CONAFI), TNR. Marcos Junior de Oliveira Silva.
Um dos principais temas do dia foi a palestra da professora TR. Maria Elvira Oliveira, sobre atribuições na Radiologia Industrial. “Conhecer as principais indústrias que utilizam radiações ionizantes e aproximar o diálogo dos Conselhos com a Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN). São fatores conjuntos que podem fazer a diferença nesse mercado”, explica a especialista em Biossegurança e Biotecnologia Nuclear.
O evento, que terá continuidade nos dias 18, e 19 de junho, contou com três palestras nesta quarta-feira:
Sobre Ética e Fiscalização
Palestrante: TR. Silvia Karina Lopes da Silva
(Conselheira federal e presidenta da Coordenação Nacional de Educação do CONTER – CONAE)
Atribuições na Radiologia Industrial
Palestrante: TR. Maria Elvira Oliveira De Jesus
(Professora e especialista em Biossegurança e Biotecnologia Nuclear)
Sobre Lei de Abuso de Autoridade na fiscalização
Palestrante: Dra. Elizangela Paiva Scárdua
(Assessora Jurídica do CONTER)
De acordo com o presidente do Conselho Nacional de Técnicos e Tecnólogos em Radiologia (CONTER), TR. Luciano Guedes, a integração desses temas com a realidade dos agentes fiscais é primordial para o avanço do processo fiscalizatório dos 18 Regionais. “O fiscal é a principal ponte entre o profissional e o Conselho. Ouvi-los e orientá-los nos dá caminhos para fomentar estratégias de controle jurisdicional da profissão, mesmo em tempos de isolamento social. Seguiremos vigilantes”, enfatiza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here